Vitamina D, para que serve?

Vitamina D, para que serve?

Vitamina D, para que serve? A vitamina D é sem dúvidas umas das vitaminas mais importantes em todas as etapas da nossa vida, desde que nascemos até chegar à velhice iremos precisar dela. Esta vitamina combate diversos males!

Ela previne diabetes tipo II e gestacional, pois aumenta a sensibilidade da insulina e a tolerância à glicose. Também atua preventivamente contra o raquitismo e a osteoporose, pois ajuda na fixação do cálcio aos ossos. Outras doenças passíveis de prevenção pela presença das diferentes formas de vitamina D incluem a Hipertensão arterial e obesidade.

Onde encontrar a vitamina D

A vitamina D é uma vitamina lipossolúvel que se apresenta em uma forma ativa (calcitriol), e duas inativas; D2 (calciferol) e D3 (colecalciferol).

Nos alimentos ricos em vitamina D

A forma D2 está presente em fungos comestíveis e a D3 em leite e seus derivados, ovos e peixes gordurosos.

No Sol

A forma ativa, responsável por 90% da necessidade humana tem origem endógena, ou seja, é produzida pelo próprio corpo humano, a partir da ação da luz ultravioleta B (UVB) do sol sobre moléculas de um tipo de colesterol presente nas camadas profundas da pele. Desta forma, a exposição ao sol, sem o uso de protetor ou bloqueador solar, é fundamental para a sua síntese.

Mas, esta exposição não pode ser exagerada, uma vez que a luz UVB também está relacionada ao aumento da incidência de câncer de pele, principalmente em locais muito expostos, como o rosto e os ombros. Por isto, recomenda-se que estes locais estejam sempre protegidos com protetor ou bloqueador solar.

Você também vai gostar ler: 5 motivos para beber mais água

Falta de vitamina D e cuidados com a exposição ao sol

O cálculo do tempo de exposição ao sol envolve diversos fatores, incluindo a latitude geográfica, a época do ano, a tonalidade da pele e idade. Quanto mais próximo ao Equador terrestre, menor a quantidade de UVB, de forma que nos estados do sul do Brasil a necessidade de tempo de exposição é menor do que nos estados do Norte e Nordeste.

No inverno, o UVB diminui sua incidência, sendo necessário um tempo de exposição ao sol maior que no verão. Quanto mais escura for a pele, maior a necessidade de exposição para a produção de vitamina D.

Por fim, o aumento da idade também diminui a capacidade de síntese desta vitamina. Por outro lado, a intoxicação pelo excesso de vitamina D, embora rara, também é uma possibilidade, normalmente associada ao uso de fontes externas para a sua obtenção, principalmente a suplementação alimentar.

A recomendação da Fitness Magazine Brasil, após todas estas informações, é que seja feita uma avaliação médica de dosagem de vitamina D, que pode indicar a necessidade de suplementação ou de maior exposição ao sol, sempre mantendo os devidos cuidados para a prevenção do câncer de pele!

Deixe seu Comentário!

UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL!

Assine nossa newsletter e receba nossos artigos gratuitamente

GARANTIA: Seus dados estão seguros! Nunca enviaremos spam nem compartilharemos seus dados.

Você quer uma vida mais saudável?

NÓS TE AJUDAMOS!

EU QUERO!

Eu não quero...

Receba nossos artigos e dicas de saúde grátis!

ASSINE NOSSA NEWSLETTER 

AGRADECEMOS POR ASSINAR!

JUNTOS POR UMA VIDA MAIS SAUDÁVEL!